wiki:Servicos/Z-Push/InstalacaoServidor

Version 26 (modified by emersonfaria, 8 years ago) (diff)

--

Instalação do Servidor Z-Push

Pré-Requisitos:

  • O Z-Push deve ser instalado num servidor que tenha acesso lógico ao Servidor Expresso.
  • Deve existir uma regra no pg_hba.conf do PostgreSQL do Expresso, permitindo conexões vindas do servidor Z-Push;
  • Ambos servidores (PostgreSQL e Z-Push) devem estar sincronizados com algum servidor de hora;
  • Os seguintes pacotes devem estar instalados:
    • apache2
    • php5 (no mínimo a versão 5.2.6)
    • php5-imap
    • php5-pgsql
    • php5-ldap
    • postfix
    • html2text
  • É necessário que os protocolos IMAP e SMTP do servidor Expresso, estejam habilitados;
  • É necessário que o servidor do Z-Push tenha permissão de relay no servidor Expresso;
  • As seguintes portas precisam estar abertas (verificar regras de firewall) para o Z-Push acessar os servidores:
    • Servidor SMTP(S): 25 e/ou 465;
    • Servidor IMAP(S): 143 e/ou 993;
    • Banco de dados (postgreSQL): 5432;
    • Servidor LDAP: 389.

Instalação:

1) Faça o download da versão 1.4.3 do Z-Push no site  http://z-push.sourceforge.net/soswp/ e copie para a pasta raiz do Apache Web Server (Geralmente /var/www).
2) Sobrescreva com os arquivos customizados  http://trac.expressolivre.org/browser/contrib/z-push.
3) Mova o arquivo html2text, obtido no passo anterior, para a pasta /usr/local/bin/. Use o comando chmod para atribuir direitos de execução. Esse executável foi compilado em um servidor Debian 32 bits, para S.O. de 64 bits recomenda-se compilar o código fonte que pode ser obtido no site  http://www.mbayer.de/html2text/.
4) Configure os parâmetros IMAP_SERVER e IMAP_PORT no arquivo config.php.
5) Configure os parâmetros ANONYMOUS_BIND, LDAP_BIND_USER, LDAP_BIND_PASSWORD, LDAP_HOST, LDAP_PORT, LDAP_SEARCH_BASE e LDAP_SEARCH_FILTER no arquivo config.php.
6) Configure a conexão com o banco de dados no arquivo dbconnect.php que se encontra na pasta include.
7) Configure o Postfix (main.cf?), para que utilize o serviço de SMTP do Expresso.
8) Crie arquivo de debug:

touch /var/www/z-push/debug.txt

9) Crie um Alias no apache do z-push:

Alias /Microsoft-Server-ActiveSync /var/www/z-push/index.php

Dica: Caso seja usado um proxy para fazer redirecionamento de url, também deve ser incluída a regra:
"https://expresso.seu_dominio.gov.br/Microsoft-Server-ActiveSync" para: "https://ip_do_zpush/z-push/index.php"

10) Insira no arquivo php.ini:

php_flag magic_quotes_gpc off
php_flag register_globals off
php_flag magic_quotes_runtime off
php_flag short_open_tag on

11) Configure permissões:

chmod 755 /var/www/z-push/state
chown -R www-data. /var/www/z-push/
chmod 777 /var/www/z-push/debug.txt

12) Reinicie os serviços:

/etc/init.d/apache2 restart
/etc/init.d/postfix restart

13) Crie, no banco de dados do Expresso, o usuário zpush?.

14) Crie, no banco de dados do Expresso, as triggers do Z-Push?.

15) Agende, diariamente, a execução do seguinte script para excluir os arquivos da pasta state que não foram modificados nos últimos 4 meses.

#!/bin/sh
find /var/www/z-push/state/ -type f -mtime +120 -exec rm \{\} \;

Administração:

  • Arquivos de Logs:

/var/www/z-push/debug.txt
/var/log/apache2/ssl_access.log
/var/log/apache2/access.log
/var/log/apache2/error.log

  • Nível de Debug:

Para aumentar o nível de debug do arquivo “/var/www/z-push/debug.txt”, definir a variável “WBXML_DEBUG” como “true” no arquivo “/var/www/z-push/wbxml.php”. (este nível de debug detalhado aumenta muito o tamanho dos arquivos de log além de aumentar o tempo de sincronização dos dispositivos móveis, não sendo recomendado a sua utilização por padrão)